quarta-feira, 11 de fevereiro de 2015

PESCADOR DE ILUSÕES

 
 
Se meus joelhos não doessem mais
Diante de um bom motivo
Que me traga fé, que me traga fé
Se por alguns segundos eu observar
E só observar
A isca e o anzol, a isca e o anzol
A isca e o anzol, a isca e o anzol
Ainda assim estarei pronto pra comemorar
Se eu me tornar menos faminto
E curioso, e curioso
O mar escuro, é, trará o medo lado a lado
Com os corais mais coloridos
Valeu a pena,
Valeu a pena,
Sou pescador de ilusões
Sou pescador de ilusões
Se eu ousar catar
Na superfície de qualquer manhã
As palavras de um livro sem final
Sem final, sem final, sem final, final
Valeu a pena,
Valeu a pena,
Sou pescador de ilusões

by O Rappa

14 comentários:

  1. Olá,Boa noite, Jair
    ...por vezes, estamos cansados de sonhar, esperar ,experimentar e errar , mas precisamos correr atrás daquilo que a princípio parece ser ilusão, ter paciência e fé para conquistarmos um sonho , sem desistir e medo de arriscar de ir um pouco mais fundo no mar escuro, para ver os corais mais coloridos... vale a pena !
    Agradeço pelo carinho,belos dias,abraços!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vale a pena, este teu comentário, tua visita, teu blog...agora eu sei, ou estou conhecendo o que é arriscar de verdade, embora a vida não permita ensaios, estou experimentando um novo mundo, e até o momento não sei se isso esta sendo bom ou ruim, mas só tenho certeza que valeu a pena, ainda estou na parte escura, mas aguardo ansioso os corais coloridos que existem aqui. Obrigado Felisberto, muito obrigado. Carinho respeito e abraço.

      Excluir
  2. Soneto-acróstico
    Às palavras

    Porque palavras são anchas de valor
    E palavras de qualquer livro sem final
    Serão chaves que desarmam o leitor
    Conquanto não lhe servem de degrau.

    Ah, se o mar escuro trouxesse só você
    Reluzindo à superfície do mar oceano
    Palavras faltariam para definir o porquê
    Apesar de achar-me um pouco insano.

    Lavrando palavras que definam a ilusão
    Afirmo que diante de um qualquer motivo
    Vivo como as palavras que me definirão.

    Relevando palavras de fundo substantivo
    Assumo que nem todas elas assim o são
    Somente aquelas sem alguma pretensão.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Meu querido amigo e poeta Jair, Pescar Palavras, seria o acróstico perfeito, não fosse os outros que escreves rs...minha grande luta, meu grande desejo também, as palavras, que mesão caras, difíceis, mas não desisto, vou pescás-las se preciso for.... o que falta em mim, tens em abundância, e a mim deixa-me um pouco dessa fartura,nos acrósticos que nunca havia recebido. São meus presentes especiais:
      "Ah, se o mar escuro trouxesse só você
      Reluzindo à superfície do mar oceano
      Palavras faltariam para definir o porquê
      Apesar de achar-me um pouco insano." Isto é lindo demais,obrigado. Carinho respeito e abraço.

      Excluir
  3. Sempre vale a pena qdo pescamos das iluzões algo real e concreto ...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Também acho meu rei, que se não houver a ilusão, é difícil vir algo real e concreto, acho que ilusão é uma espécie de desejo, o começo para algo a ser feito...como sonhos, temos de sonhar, mas acordar e tentar realizar o sonho, divagando no Bratz rs. Meu amigo a tua generosidade não tem fim, te gosto pra sempre, tua presença não só me ilumina, mas grita no meu ouvido que eu estou vivo e tem alguém logo ali, ao alcance do teclado que lemnbra de mim, obrigado meu amigo.Carinho respeito e abraço.

      Excluir
  4. Muito bom, amigo Jair Machado, acho que todos nós, em algum momento da vida, nos sentimos pescadores de ilusões.
    Um abraço. Tenhas um bom dia.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Meu bom amigo e poeta Dilmar, sempre abrilhantando este espaço com tua presença...acho que somos naturalmente pescadores de ilusões...Carinho respeito e abraço.

      Excluir
  5. Olá amigo
    Adoro essa música, pois viver sempre vale a pena, desde que não percamos a ilusão.
    Abração

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Meu professor querido, como gosto de te ver aqui, sinto-me valorizado, prestigiado, o que não consigo sentir com as pessoas reais que convivo. Tu és real, eu sei, mas entendeste né ? rs
      Apesar da sombra me espreitar,da tristeza que está próxima, eu sei que vale a pena viver, mas tenho medo de perder a ilusão. Meu amigo Elian, apesar de tudo, esta música eu sempre gostei, e duas e tres tou cantarolando, o que ocorreu, então postei...Carinho respeito e abraço.

      Excluir
  6. O Rappa, ótima escolha, gosto muito dessa banda.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Dani, eu já gostei bem mais, mas é uma banda que ainda respeito.Obrigado por tua visita, gostei demais da tua última postagem, que texto, de tirar o fôlego, de lavar a alma...Carinho respeito e abraço.

      Excluir
  7. Musica oficial do final de formatura.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Cristiano, bem verdade, com o diplomana mão começa a verdadeira pescaria...a música de minha formatura foi Tempo Perdido da Legião, parecia apropriado para a época....Obrigado pela visita e comentário caro amigo. Carinho respeito e abraço.

      Excluir